Diversão, fotografia, Gadgets, etc.

O Desejo de ser Fotógrafo

Toda pessoa merecia ter um Hobby (o da Carla Peres é o vermelho de bolinha), algo que ama fazer, ler a respeito, estudar por lazer, praticar ou se sentir satisfeito de fazer tal coisa. Algo que te tire do lugar comum e te faça esquecer por alguns momentos do stress da vida moderna, TODO MUNDO merece isso em algum momento da vida porque afinal de contas o Sol nasceu pra todos (alguém ai lembrou da campanha do Quércia?). Eu sempre pensei nisso e já um tempo antes do boom das Cybershots e companhia, eu já tinha vontade de ter um equipamento bom o bastante para conseguir tirar fotos que vão um pouco além dos lambe-lambes de família, a minha vontade era tirar fotos que chegassem a um patamar quase artístico, não que eu tivesse vontade de ganhar a vida com isso, o que não é o que eu pretendo agora também. Simplesmente me veio na cabeça a vontade de ser um Fotógrafo Amador.

Esse desejo não me veio do nada, foi um simples pensamento que foi crescendo com o tempo, foi mais ou menos assim. Eu sempre fui bastante observador, é uma característica minha, sempre fui muito de prestar atenção em tudo e a partir dai eu comecei a pensar coisas do tipo “Olha, essa paisagem daria uma foto legal” …e depois de tanto pensar nisso uma hora eu fixei na cabeça que eu iria parar de ver as paisagens ou situações e simplesmente deixar passar e começaria a eternizar estes momentos, e pronto nasceu ai mais um amante da Fotografia.

Tudo ia muito bem até o momento em que eu resolvi pesquisar preços de equipamentos…na hora o desanimo foi quase como um tapa, claro que temos que avaliar que naquela época eu era um fudido que ganhava muito pouco e logo pensei que aquilo não era pra mim e deixei esse sonho guardado por um bom tempo, só pra se situar era a época antes da popularização das digitáis, isso dá quanto, acredito que uns 6 ou 7 anos, por ai. Alguém já guardou um sonho por todo esse tempo, quem respondeu sim sabe que ele não morre, muito pelo contrário, só aumenta. Meu irmão me disse uma vez que a diferença entre um sonho e uma meta, é que para a meta você define uma data. Eu não fiz bem isso, mas no momento em que eu e a Jana paramos de sobreviver e passamos a VIVER este desejo voltou a tona e eu defini que em breve iria realizar esse tão sonhado desejo.

E então agora eu posso dizer que depois de tanto esperar eu consegui o que tanto queria, finalmente adquiri meu primeiro equipamento dito “semi-profissional” que tinha definido depois de algumas pesquisas. A mais de um ano eu venho pesquisando em publicações, fóruns para tentar absorver tudo sobre o assunto e não simplesmente cair de para-quedas. Lí tutoriais e apostilas, ví comparativos entre equipamentos, conversei com pessoas. Olha, vou te dizer, toda essa coisa de fotografia é um universo à parte, com seus próprios termos, dialetos, comunidades e todo o resto. Exposição, Abertura, Balanço de Branco, Obturador e outros Aliens aos poucos foram fazendo mais sentido na minha cabeça e eu descobri que existe muito mais do que as pessoas pensam por trás de uma bela fotografia e dê repente eu percebi que havia me metido em uma dor de cabeça enorme, mas é aquele tipo de dor de cabeça que você ama!

Está sendo fantástico descobrir tudo o que envolve o prazer de fotografar e principalmente não ficar somente na teoria, eu percebi que existem muitas pessoas que estão mais ou menos na mesma situação, garimpando informações em fóruns e percebi que esse vírus da fotografia pega mesmo, é uma pena que os preços de equipamentos ainda são exorbitantes e com o tempo o investimento em lentes e acessórios se faz obrigatório, e com certeza outros como eu sonham em silêncio.

O que eu gostaria de dizer com tudo isso que eu escrevi é que, se você tem um sonho, por mais difícil que parece de ser realizado, nunca deixe de tentar, mantenha o foco e procure saber tudo o que for preciso a respeito para conseguir realiza-lo, eu demorei 7 anos e isso não me impediu de continuar. E isso não se resume a fotografia ou a um hobby qualquer, mas sim tudo aquilo que se tem vontade de fazer na vida, seja por prazer ou por algo maior.

A cada nova descoberta eu tentarei falar sobre isso aqui no blog e quem sabe transmitir o vírus da fotografia para algum leitor casual ou fixo ;). Se você chegou até aqui procurando algumas dicas sobre fotografia, eu ainda não tenho todas as respostas, só o que eu consigo recomendar agora é este ótimo livro de técnica fotográfica publicado pela editora Europa e que tem esclarecido muitas dúvidas que eu tinha sobre o assunto, e para alguma coisa mais dinâmica e perticipativa onde você vê outros fotógrafos em ação que servem muito bem como exemplo, eu recomendo a inscrição no Digifórum, que é um ótimo fórum sobre o assunto, entre lá e participe, nem que seja comentando nos duelos, para ver o nível da galera por ai e o que é possível fazer com os equipamentos de hoje. E se tiver com tempo dê também uma lida no Verbete da Wikipédia sobre fotografia que tem um conteúdo interessante.

Agora se me dão licença eu tenho muito a fazer ainda, ler algumas apostilas, ver umas vídeo-aulas…estou engatinhando neste mundo ainda e até aprender a correr ainda vai levar um bom tempo.

Um Abraço

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...