Cinema, Listinha, Quadrinhos, etc.

As 5 Piores Adaptações dos Quadrinhos para o Cinema

Você, fã de quadrinho que como eu vai aos cinemas com toda a boa vontade do mundo para assistir um filme sobre o seu personagem favorito dos quadrinhos e se decepciona, sabe muito bem o que eu estou falando.

A pergunta é, o que este povo tem na cabeça pra conseguir fazer tanta porcaria?

E o pior é que não é por falta de histórias boas, porque isso existe e como existe, custava pegar uma, uminha história e transportar para a tela grande exatamente do jeito que ela foi concebida? Mas não, o roteirista também tem que comer e por causa disso a gente é que se ferra, paga pra ver um filme e sai com cara de idiota. E isso já vem acontecendo a um bom tempo, por isso fiz esta listinha pra relembrar as piores porcarias cinematográficas feitas com heróis de quadrinhos.

Wolverine

Talvez um dos filmes mais aguardados até agora vista a popularidade do personagem e o destaque que ele ganhou nos outros filmes de mutantes encarnado na pele de Hugh Jackman. A mobilização da mídia foi massiça, as cenas que era divulgadas eram de tirar o fôlego e o filme tinha tudo pra ser um campeão de bilheteria e aclamado eternamente pelos fãs, no entanto só a primeira aconteceu, porque o filme conseguiu dois feitos, atrair milhões de pessoas aos cinemas e criar a maior população de “caras de tacho” do planeta, porque eu tenho certeza que não foi só eu que fui enganado pelas espectativas criadas em torno do filme, basta vasculhar na blogsfera e ver do que eu estou falando, um filme sem pé nem cabeça, com personagens desfigurados do seu original e atuações mediocres fizeram de Wolverine o filme baseado em quadrinhos mais brochante até agora.

Batman

OK, calma, não estou aqui pra falar dos filmes do Batman de Christian Bale mas sim os precursores Batman e Robin, Batman Eternamente. Os filmes estrelados pelo Michel Keaton eu vou deixar passar por que estes eu até gosto, dos mas antigos estes foram os menos piores. Agora meu amigo, uniforme com mamilos, conotações sexuais entre Batman e Robin, Bat catão de Crédito, “Ah eu to maluco”….POTA QUE LHOS PARIU, não dá, não dá…é de sair chorando do cinema. Ainda bem que a Warner se redimiu e produziu otimos dois filmes recentemente que revitalizaram a franquia, porque senão, com certeza seria a morte do Morcegão nos cinemas.

Demolidor

Em um nome, Ben Affleck!

Só isso já mataria o filme pra mim, mas vamos lá falar um pouquinho né. Com certeza quem produziu este filme nunca nem ouviu falar do Demolidor, deram ao personagem mais poderes do que ele já tinha, vide cena da igreja onde ela pula de um lado ao outro da rua sem usar cordas nem nada, o Demolidor não faz isso.

O Rei do Crime precisava ser um cara grande, mas seria tão difícil assim conseguir um cara grande e gordo que realmente se parecesse com o Rei do Crime, nada contra o John Coffie, absolutamente, mas o que estou falando aqui é da integridade do personagem como ele foi concebido originalmente.

E o treinamento dele, que talvez fosse a parte mais legal em “Demolidor o homem sem medo” não teve relevância aqui, vai saber porque.

Me desculpe a Jennifer Garner, mas a Electra não é uma mulher meiguinha e sorridente e muito menos em aquela aparência “Dê repente Trinta”, não não e não…Só de pensar dá até vontade de parar de escrever, porque olha é difícil.

E o mercenário? Arqui-inimigo do Demolidor, não colocaram uma mascara nele, que é o que deveria ter sido deito pra mostrar que era o Colin Farrell que estava atuando, e no lugar colocara aquela cicatriz em forma de alvo na testa dele, pra quê, pra quê….afff isso me revolta.

X-men 3

Sabe quando você já está de saco cheio do seu emprego e liga o Fo%$#-se, faz tudo de qualquer jeito, fica de cara amarrada o dia todo, dá patada em todo mundo?

Pois é, isso foi o que aconteceu em “X-Men 3 – The Last Stand”. Ningume mais queria fazer o filme para não se amarrar na franquia e ser lembrado somente pelo filme mutante, sério me deu vontade de parar de ver o filme no momento em que eu vi a Fenix Negra (Jean Grey) transformar o Ciclope em patê, na história original ele é um dos responsáveis por trazer a Garota Marvel de volta ao seu normal. Depois disso o filme foi ladeira abaixo, nada, absolutamente nada conseguiu salvar este filme que pra mim só não foi uma porcaria maior porque antes dele existiu Demolidor e depois dele conseguiram piorar tudo ainda mais com X-Men Oringens: Wolverine.

Olha, vou te falar, pra mim a franquia mutante morreu e não vai voltar, se pensarem em criar mais alguma coisa não terão a minha presença nos cinemas pra ser chamado de idiota mais uma vez.

Juiz Dredd

Este não mereceria estar aqui, já que é um dos primeiros filmes do gênero e a indústria do cinema ainda estava tateando no escuro pra tentar encontrar a luz, algumas produtoras ainda estão nessa escuridão, mas sobre o filme, bem, sabe como é, Stalone caiu bem no papel mas o negócio é que o Juiz Dredd não é nem um pouco bonzinho como apareceu no filme, Dredd é um chuta bundas igual ao Lobo, e merecia um filme mais ao seu nível, e aquele papinho de clones no meio da história é de doer, tudo bem que estava na moda falar desse assunto, mas não precisava. Outra coisa que ficou fora dos eixos é que o Juiz Dredd nunca, repito, nunca tira o capacete, e não é o que acontece com Stalone, parece que os atores tem que se afirmar e mostrar a cara pra dizer, “Olha, sou eu que estou atuando nesse papel”, ridículo…Agora, ridículo maior foi o filme mostrar uma arma que atira literalmente o filme inteiro, e justo na hora que o Stalone ia tomar um balaço na cara a arma está descarregada….Essa foi de doer, sério vou carregar isso pro resto da vida e contar para os meus netos!

Agora me vou indo, depois de tanta porcaria eu vou me desintoxicar, cadê meus DVD’s clássicos do Superman????

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...